menu

q98a5846

Tive casos secretos com religiosos e artistas, diz Andressa Urach

 

Quando passou por problemas graves de saúde Andressa Urach teve um encontro com Deus e se tornou evangélica. Desde então ela tem renunciado seu passado e agora resolveu revelar detalhes dele em uma biografia que já se tornou polêmica antes mesmo de ser lançada.

No livro “Morri para viver – meu submundo de fama, drogas e prostituição” a apresentadora da Rede Record conta tudo o que fez para ter fama, inclusive como se tornou uma das prostitutas mais bem pagas do país.

Na contracapa do livro, que chega às lojas no final de agosto, Andressa revela que saiu até mesmo com religiosos, empresários, cantores, artistas e bandidos. Informações que ela sabe que poderão lhe custar a vida.

“Confesso que foi preciso coragem para contar tudo. Venci a vergonha de um passado sujo para tentar estender a mão para quem se considera em um beco sem saída”, disse ela nas redes sociais.

Andressa revela ainda que escolheu escrever este livro para mostrar que existe saída. “Espero que minha história ajude a erguer muitas pessoas e leve todos os leitores a uma reflexão sincera das escolhas que fazemos ao longo da vida.”

“Morri para viver – meu submundo de fama, drogas e prostituição” é uma autobiografia escrita com a ajuda de Douglas Tavolaro, o mesmo que assina as biografias de Edir Macedo. Andressa Urach se converteu na Igreja Universal do Reino de Deus e agora é repórter dos programas religiosos da Record.

Fonte: Portal Gospel Prime

Go to top